Naviraí, Terca-Feira   18 de Setembro de 2018

03/07/2018


Assaltante é preso e confessa em vídeo ter matado estudante na frente da namorada em Aparecida de Goiânia:

Comparsa foi detido e disse ter ajudado amigo em assalto. Renan Gouveia, 23, foi morto a tiros quando chegava de carro em uma festa no Conjunto Estrela do Sul.

Dois jovens foram presos, nesta terça-feira (3), suspeitos de matar o estudante de administração Renan Gouveia, de 23 anos, na frente da namorada dele, durante um assalto em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. Em um vídeo divulgado pela Polícia Militar, um deles confessa ter matado Renan, e um comparsa reconhece ter participado do crime (veja acima).

“Quem disparou fui eu mesmo”, disse à polícia Lennifer Eder do Nascimento, que não teve a idade divulgada. Segundo a PM, ele agiu com a ajuda de Paulo Vitor Ferreira, que também foi preso e confessou ter participado do assalto.

O G1 entrou em contato, por telefone, com o 4º Distrito Policial de Aparecida de Goiânia, onde a dupla está presa, mas não conseguiu localizar a defesa dos dois suspeitos.

O crime ocorreu na noite de sábado (30), no Conjunto Estrela do Sul, em Aparecida de Goiânia. Segundo o delegado Rhaniel Almeida Pires, responsável pelas investigações, Renan estava com a namorada dentro do carro, chegando a uma festa junina na casa de parentes, quando foi abordado pela dupla.

“Eles abordaram os dois, deram voz de assalto. Um dos assaltantes tomou a direção do veículo, mas não conseguiu ligar o carro. O comparsa pressionou a vítima, questionando se havia bloqueador e mandando desativar. A vítima disse que não tinha, e ele, irritado, atirou contra ele”, contou ao G1.

Após o crime, a namorada e o corpo de Renan foram deixados em uma estrada de terra, em Abadia de Goiás, também na Região Metropolitana da capital. O carro da vítima foi encontrado em Goiânia, na segunda-feira, abandonado em uma rua.

A reitoria da Unialfa, onde Renan cursava o 8º período do curso de administração, divulgou nota em que comunica “com muito pesar” a morte do jovem. A instituição informou que decretou luto oficial de três dias, sem interrupção do atendimento administrativo da universidade.

 
 
 
 
 
Estudante é morto na frente da namorada durante tentativa de assalto em Goiânia

Estudante é morto na frente da namorada durante tentativa de assalto em Goiânia

 

Carro com mancha de sangue

 

Na segunda-feira (2), o carro da vítima foi encontrado abandonado, com manchas de sangue, no Setor Solange Park, em Aparecida de Goiânia. O veículo foi apreendido por policiais da Delegacia Estadual de Repressão ao Furto e Roubo de Veículos Automotores (DERFRVA) e levado para o Instituto de Criminalística, onde passa por perícia.

O investigador disse que, pelas características em que o carro foi encontrado, o crime ocorreu, de fato, dentro do veículo. “Pelas manchas de sangue, pelo local em que foi achado, tudo leva a crer que a dinâmica do fato ocorreu conforme temos até então. Vamos ouvir todos os envolvidos para saber se houve algo além do que já apuramos”, disse Rhanier Pires.

 
Renan Gouveia foi morto na frente da namorada em assalto em Aparecida de Goiânia (Foto: TV Anhanguera/Reprodução)Renan Gouveia foi morto na frente da namorada em assalto em Aparecida de Goiânia (Foto: TV Anhanguera/Reprodução)

Renan Gouveia foi morto na frente da namorada em assalto em Aparecida de Goiânia (Foto: TV Anhanguera/Reprodução)

 

 

Prisão em bar

 

Segundo o tenente Halisson Nascimento, das Rondas Ostensivas Metropolitanas da Polícia Militar (Rotam), os suspeitos do crime foram localizados após serem abordados em atitude suspeita em um bar no Setor Cidade Vera Cruz, em Aparecida de Goiânia.

“A equipe do Rotam Comando estava em patrulhamento pela região de Aparecida de Goiânia, resolvemos abordar os indivíduos que estavam em atitude suspeita, em um bar, e, durante esta abordagem, na entrevista, descobrimos que um deles estava em posse de uma arma de fogo”.

 

“Fomos até a casa dele, para confirmarmos esta posse, existia uma arma de fogo e, durante a entrevista ele acabou relatando o que o correu. São autores do latrocínio ocorrido no sábado”, disse o tenente.

 

Após confessarem o crime, os dois suspeitos foram levados para o 4º DP de Aparecida de Goiânia, onde o flagrante foi registrado e, segundo o delegado Rhaniel Almeida Pires, devem ser ouvidos ainda nesta manhã no 5º DP da cidade.

“Após o registro do flagrante que está sendo feito na outra delegacia vamos ouvi-los para saber se sustentam a versão que já temos”, disse o investigador.

 
Arma de um dos criminosos foi apreendia em Aparecida de Goiânia (Foto: Polícia Militar/Divulgação)Arma de um dos criminosos foi apreendia em Aparecida de Goiânia (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Arma de um dos criminosos foi apreendia em Aparecida de Goiânia (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Fonte: G1

<